Logo Logo


Jaque & Will | Pre Wedding |

11:00:00

A gente adora falar sobre nós mesmos! E quando digo "a gente", não falo só sobre mim ou sobre o Djoni, falo sobre nós, sobre tu, eles, todo mundo! Mesmo aqueles que dizem que não gostam de falar sobre a própria vida, se sentem felizes quando alguém demonstra interesse em suas opiniões, suas histórias, acontecimentos certeiros e também aqueles que não saíram conforme o esperado...
A gente se sente bem, a gente é capaz de aprender muito falando em voz alta sobre alguma coisa que não funcionou pra nós, foi desse jeito que muitas vezes pude tirar algumas conclusões sobre situações que precisavam um pouco mais da minha insistência e de outras, que já não deveria levar adiante.
Mas por outro lado, a gente tem tanta gente ao nosso redor que pode nos ensinar tanto mais sobre a vida, mesmo que em situações completamente adversas a nossa. E assim me senti o dia em que em a Jaque me contou a história de vida dela e tamanho o significado que as fotos Pré Casamento teriam! 

Ela me contava: - "Jeni, eu tive que me desfazer de tudo daquela velha vida, deixar tudo pra trás e começar do zero..." 
Ela teve muito mais coragem do que imaginou que seria capaz! Às vezes a gente se apega, se agarra a pior parte da nossa vida e acha que aquilo é tudo que a gente tem e se deixar isso pra trás, não sobrará nada. Mas é em uma folha em branco que uma nova história pode começar e o Will foi o recomeço na vida da Jaque e ela, a melhor parte, da dele.
Lembro que naquele dia eu estava passando a Grafton Street lotada como de costume, pra ir pra casa e tudo que eu conseguia fazer era agradecer! Agradecer pela fotografia fazer parte das nossas vidas, por tanto significado que ela trouxe junto com ela e pessoas que ela trouxe pra perto de nós, por ela nos ensinar a ouvir e a olhar pra dentro de cada um.
Não só pra Jaque e para o Will, esse ensaio também se tornou particularmente importante pra gente, porque assim como nos emocionamos tanto com a história deles, não podíamos retribuir de forma diferente, que não emocionando-os com a mesma, contada através da nossa fotografia.
A introdução dela está aqui nas fotos que seguem e o primeiro capítulo teremos a honra de poder participar coladinhos deles e retratar em detalhes na sexta-feira. Nós já temos um título pra ele e será:
Sim, Eu Aceito 


You Might Also Like